quinta-feira, 26 de abril de 2012

- Lição 11: Vinde a Mim Todos Vós que estais Cansados e Oprimidos


- Lição 11: Vinde a Mim Todos Vós que estais Cansados e Oprimidos



Necessário: Bíblias, um objeto pesado (como tijolos ou caixas de rochas)



Lição: (Nota:. Sempre permitir aos alunos tempo suficiente para pensar e dar as suas respostas às perguntas antes de esclarecer o ensino)



Dê aos alunos o seu objeto pesado. Você pode ter um objeto para cada um deles ou mandá-los se revezam segurando uma coisa.



Diga, Vamos ver quem consegue segurar a maior deste. Quem pode prendê-lo por mais tempo, ganha.



Era que muito pesado?



Agora tente este. (Mão-las cada uma Bíblia.) Isso é um pouco menos pesado?



(Peça aos alunos que se revezam lendo Mateus 11:28-30, ou lê-lo você mesmo.)



O que Jesus disse que Ele vai fazer por aqueles que estão cansados ​​e sobrecarregados? (Ele vai dar-lhes descanso.)



O que significa estar cansado? (Para estar cansado.)



O que significa ser sobrecarregados? (Para estar carregando algo pesado.)



Às vezes as coisas pesadas que levamos são pecados. Quando fizemos algo errado, isso nos faz sentir culpados e quando nos sentimos culpados, faz nossas almas se sentir pesado e triste.



Às vezes as coisas pesadas que nós carregamos são preocupações. Nós nos preocupamos com as coisas e que faz com que nossas almas se sentir pesado.



Mas Jesus diz que Ele vai levar as nossas coisas pesadas e dar-nos algo mais leve. Nós podemos dar a Ele os nossos pecados e nossa culpa e Ele nos perdoará. Nós podemos dar a Ele as nossas preocupações e, em seguida, não se preocupe com eles mais.



Então, quando damos Jesus nossos pecados e nossas preocupações, Ele nos dá Seus regras a seguir. Mas seguindo as regras de Jesus é muito mais fácil do que fazer as nossas almas, através da realização em torno de todos esses pecados e preocupações. Nós podemos dar a Jesus os nossos pecados e as coisas que estamos preocupados com e tudo o que temos a fazer é seguir suas regras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário